Compras em Curitiba

Curitibanos adoram se abrigar do frio e da chuva dentro dos shoppings da cidade. E as opções são muitas! Se você precisa fazer algumas comprinhas enquanto estiver em Curitiba, não se preocupe. Por aqui é possível encontrar de feiras de antiguidades a elegantes e sofisticados centros comerciais. Entre um parque e outro, você certamente não irá resistir a gastar alguns reais na cidade, especialmente quando um abrigo for necessário por causa da chuva.

Shoppings

A capital paranaense oferece mais de quinze opções de shoppings centers para quem deseja encher algumas sacolas. Os centros comerciais são repletos de boas lojas, restaurantes e serviços como cinemas, teatros, academias, centro de convenções e até museu. Capazes de resolver vários problemas de uma só vez, os shoppings acabam sendo alternativa não só para compras, mas também para uma boa refeição. A fuga involuntária por questões climáticas, especialmente tratando-se de uma cidade onde as principais atrações estão em áreas verdes ao ar livre, também é constante. Se você é do tipo que detesta visitar shoppings enquanto viaja, abra o seu coração em Curitiba e considere os grandes centros comerciais fortes aliados.

Entre as opções de shoppings na cidade, o Pátio Batel se destaca pela elegante decoração e qualidade do mix de lojas, com oferta tanto de marcas populares quanto grandes nomes internacionais como Calvin Klein, Prada, Versace, Emporio Armani, Burberry e Ermenegildo Zegna. É uma ótima pedida especialmente para quem mora em cidades onde não há essas marcas. O Pátio Batel também agrada pela qualidade dos restaurantes, com mais de 20 opções e um espaço dedicado a refeições mais elaboradas, a Vila Gourmet. O shopping está localizado no elegante bairro Batel, onde há outros vários restaurantes e cafés para aproveitar. A poucos quarteirões do Pátio Batel, estão também o Shopping Curitiba (que conta com uma boa Livraria Cultura) e o Crystal Shopping (concorrente do Pátio Batel em sofisticação). Os três estão bem próximos e você poderá tranquilamente caminhar entre eles.

Mais popular e sempre repleto de visitantes, o Shopping Estação é excelente pedida para quem está percorrendo o Centro de Curitiba. O centro comercial, com mais de 150 lojas, foi construído em uma antiga estação de trem e conta também com o Museu Ferroviário e um grande centro de convenções. Oferece um mix mais voltado ao grande público, com destaque para as lojas de departamento. Na mesma linha e também em localização central (vizinho ao Passeio Público), o Shopping Mueller é o mais antigo espaço da cidade dedicado às compras. Construído no prédio histórico de uma antiga metalúrgica, esse centro comercial oferece mais de 200 lojas para os frequentadores.

Um pouco afastado do centro, mas bem próximo a um dos principais parques de Curitiba, o Parkshopping Barigui atrai frequentadores pelo grande número de lojas e pelo agradável ambiente. O shopping conta com mais de 300 marcas e quase 40 restaurantes, entre eles 7 destinados ao Park Gourmet, onde os menus são mais elaborados.

Ruas, feiras, mercados e lembrancinhas

Curitiba não conta com opções de compras apenas dentro dos shoppings. Apesar da constante instabilidade climática, os moradores não se abatem e frequentam outros ambientes fora dos grandes corredores climatizados. A principal rua de compras da cidade é a Rua das Flores, localizada no Centro de Curitiba. Oficialmente chamada de Rua XV, a grande avenida tem longo trecho peatonal, com lojas, bares e cafés que oferecem mesinhas na calçada. Ótima opção para ver a vida passar em um final de tarde curitibano. Para quem busca especificamente sapatos e vestuário, vale ir até a Rua Teffé. Para lojinhas descoladas e peças de design, a pedida é o entorno da Praça Espanha, região também conhecida como Batel Soho.

Quem gosta de garimpar entre objetos antigos não pode deixar de ir à Feira do Largo da Ordem. Ela acontece todos os domingos, das 9h às 14h, e oferece barraquinhas de antiguidades em meio ao Centro Histórico de Curitiba. Será uma delícia aliar compras inusitadas a um passeio pelo coração da cidade. Já os turistas que não resistem a uma boa experiência gastronômica não podem perder o Mercado Municipal. Entre frutas, temperos e todo tipo de ingredientes, você poderá experimentar pratos típicos da região e ainda finalizar com um delicioso café. Antes de ir embora da cidade, não deixe de comprar uma lembrancinha. Em Curitiba, é possível comprar belas peças no MON (Museu Oscar Niemeyer) e também nas lojinhas da Leve Curitiba, especializada em artigos com a cara da cidade, entre eles as graciosas capivaras que se tornaram símbolo local.

RUA 24 HORAS

Há mais de 10 anos a Rua 24 Horas já não é mais 24 horas. Ainda assim, ela atrai curitibanos em busca de boas refeições e deliciosas iguarias gastronômicas, além de ser cartão-postal, com o relógio na entrada e o corredor de armação tubular. Recentemente revitalizada, a Rua 24 Horas oferece bares, restaurantes e lanchonetes que servem refeições do café da manhã até o último cliente. A rua não é exatamente uma rua, mas sim uma travessia que liga as ruas Visconde de Nácar e Visconde do Rio Branco. É um ótimo ponto de parada durante um passeio pelo centro de Curitiba, especialmente para um tomar um chocolate quente quando o friozinho apertar.

RUA DAS FLORES

Este pedacinho da Rua XV de Novembro, conhecido como Rua das Flores, é destino apenas ao deleite de pedestres. Bem no centro de Curitiba, este calçadão inaugurado em 1972 permite caminhar entre prédios históricos, comércio animado e muitos bares, restaurantes e cafés. Escolha o seu ponto predileto, puxe uma cadeira e veja a vida passar experimentando um quitute tipicamente curitibano.

A Rua das Flores é um bom ponto para compras e sedia também um dos mais disputados eventos da cidade de Curitiba. O Coro de Natal, cantado através das janelas do Palácio Avenida, alegra o final de ano da capital paranaense. Na rua, um belo bondinho, ponto de disseminação cultural, também atrai visitantes.

Fonte: https://guia.melhoresdestinos.com.br